Tudo sobre Queratina

Tudo sobre Queratina

25/4/2022

Não é segredo para ninguém que o mercado de cosméticos segue apostando cada vez mais em soluções práticas para a saúde dos tecidos. No entanto, com tantos produtos disponíveis nas prateleiras de farmácias e lojas especializadas, às vezes fica difícil escolher o melhor. E é por isso que você precisa conhecer um pouco mais sobre a queratina.

O fato é que o segmento de cosméticos vem sendo pautado, nos últimos anos, pelo investimento em soluções naturais. São muitos os produtos, que vão desde cremes para pele a hidratantes para o cabelo, que tem como principal diferencial substâncias completamente naturais e com bons resultados.

Sendo assim, é importante conhecer algumas dessas principais substâncias que estão sempre presentes nos melhores produtos cosméticos. Afinal de contas, entender como cada uma delas funciona é essencial para que você possa escolher a opção certa para o seu objetivo, seja ele um cuidado com os fios ou com a pele.

Neste artigo, você irá saber tudo e mais um pouco sobre uma das proteínas mais importantes para o ramo dos cosméticos: a queratina. Além disso, falaremos também sobre as principais características dessa substância, assim como os seus benefícios e para que ela pode ser utilizada nos dias de hoje.

Dito isso, pegue logo o seu caderno de anotações ou abra o bloco de notas do celular e venha conferir um pouco mais sobre o assunto.

Mas afinal de contas, o que é a queratina?

Se você for neste exato momento na farmácia da sua cidade e procurar por cosméticos voltados para o trabalho, é bastante provável que encontre opções que tem como principal diferencial a queratina. Afinal de contas, essa proteína está presente em muitos produtos do gênero, dada as suas propriedades incríveis.

Mas, afinal de contas, você sabe o que é a queratina? Conhecida por estar presente em muitos cremes e produtos para cabelo, a queratina é nada mais nada menos do que uma proteína fibrosa. Ela tem como principais características a conformação rígida, impermeabilidade à água e até mesmo elasticidade.

Formada por ligações de hidrogênio e aminoácidos, a queratina tem como função principal auxiliar na formação de diferentes estruturas do corpo. Além disso, ela também contribui para um aumento da retenção da água e ajuda a formar uma barreira de proteção, que serve como “escudo” para as células da pele.

Além de ser encontrada em diversos tipos de produtos cosméticos, a proteína também está presente no nosso corpo. Isso porque ela não está somente diretamente relacionada aos tecidos como também é essencial para a formação e saúde desses - como veremos mais detalhadamente a seguir.

Confira mais algumas informações importantes sobre a queratina:

1.    Qual a principal função da queratina?

Que essa proteína está muito associada à produtos cosméticos, isso você já deve estar cansado de saber. Mas, por acaso você já se perguntou qual a principal função da queratina? Afinal de contas, como pode uma única substância ser tão benéfica e essencial para a saúde de tantos tecidos?

Como já citado anteriormente, a queratina é uma proteína que, de uma forma ou de outra, busca proteger e garantir condições ideais para a sobrevivência dos tecidos. Sendo assim, ela contribui para a formação da barreira de proteção e também ajuda a reter a água no sentido de evitar o ressecamento.

No entanto, é importante destacar também que, apesar de estar presente de forma natural em nosso corpo, a queratina pode acabar sendo degradada. Quando isso acontece, a barreira de proteção construída por essa proteína também enfraquece e, juntamente com ela, alguns dos principais tecidos do nosso corpo.

A degradação da queratina natural pode acontecer tanto por conta de agressões externas como, também, químicas. Acontece que, ao contrário do que muitas pessoas podem acreditar, algumas práticas bastante comuns do dia-a-dia são suficientes para impactar de maneira negativa essa queratina.

2.    O que contribui para a degradação da queratina?

Existem muitos fatores que contribuem diretamente para a degradação da queratina, proteína essencial para a saúde dos tecidos. Uma das mais comuns é justamente a radiação solar, que ajuda a enfraquecer a barreira criada pela substância e pode deteriorar a pele e os fios de cabelo.

E falando em cabelo, não é segredo para ninguém que banhos quentes não são exatamente benéficos para os fios, não é mesmo? Pois é, acontece que a água quente também contribui para a degradação da queratina, tanto por conta do contato com a pele quanto das madeixas.

O calor provocado de maneira artificial também é bastante prejudicial para a queratina de uma maneira geral. É justamente por isso que o uso de chapinha e secador costuma ser negativo para os fios, visto que não apenas enfraquece os mesmos como também pode fazer com que eles se tornem mais quebradiços.

Vale ressaltar que o uso de química no cabelo também é uma das formas de degradação mais comuns da queratina. A progressiva, procedimento feito para o alisamento dos fios de maneira duradoura, é uma das ações que também ajuda a degradar a proteína e, de certa forma, enfraquecer o tecido.

3.    Como a queratina age no cabelo?

Agora que você já sabe que a queratina está presente nos principais tecidos do nosso corpo, chegou a hora de ver a importância do seu uso para estes. No caso do cabelo, a proteína age como a principal responsável por restaurar as fibras capilares - e por isso é tão utilizada em produtos do gênero.

Além disso, a queratina também contribui para a proteção das fibras capilares contra o sol, a piscina e o mar. Em alguns procedimentos estéticos como, por exemplo, o megahair e o cronograma capilar, a proteína é utilizada como uma espécie de cola, o que mostra a sua importância para o tecido.

Vale ressaltar ainda que existem muitos tipos de tratamento com queratina que proporcionam uma maior saúde e beleza estética aos fios. Alguns deles precisam ser feitos em salões, com a ajuda de um especialista, para a melhor aplicação e manuseio dos produtos que contam com a proteína.

No entanto, existe também uma série de produtos cosméticos ricos em queratina que podem ser aplicados em casa mesmo. Sendo assim, para manter a beleza dos fios sem nem precisar recorrer a um especialista, basta ir atrás de produtos que tenham como principal substância essa proteína.

VEJA TAMBÉM: Biotina pra que serve?

4.    Os diferentes tipos de queratina para cabelo

Sempre que você for escolher um produto para o cabelo que seja rico em queratina, é importante verificar o tipo da proteína. Isso porque cremes, máscaras capilares e shampoos que contam com essa substância geralmente possuem finalidades diferentes, graças a sua “construção”, pode-se dizer assim.

A queratina hidrogenada, por exemplo, é o tipo mais comum dessa proteína, por isso geralmente é a utilizada em produtos para os cabelos, sendo indicada para tratamentos mais leves. Já a queratina líquida pode ser diluída em outros produtos, justamente para potencializar o efeito dos cosméticos nos fios.

Existe também a queratina vegetal, que se diferencia da grande maioria dos produtos que fazem uso da proteína animal. Como dá para imaginar, por conta do nome, esse tipo de queratina é extraída dos vegetais, e costuma ser queridinha por pessoas veganas que se preocupam com esse tipo de pauta.

Vale ressaltar que existe ainda a chamada queratina hidrolisada, que se trata de nada mais nada menos do que uma versão mais concentrada da proteína. Ela é indicada para pessoas que possuem cabelos danificados e que buscam dar um jeito de uma vez por todas, recuperando a saúde e beleza dos fios.

5.    Como a queratina age na pele?

Apesar de existirem muitos produtos para o cabelo ricos em queratina, essa proteína não traz benefícios somente para os fios. Afinal de contas, ela também é essencial para a saúde da pele, agindo no sentido de aumentar a sua resistência e a perda de água - o que diz bastante a respeito da substância.

A proteína é bastante importante para a pele, visto que estamos falando de uma parte do corpo que está frequentemente exposta a diferentes tipos de agressões externas. Vale ressaltar também que a queratina, por ter como uma de suas funções a retenção de água, contribui e muito para o tratamento de peles ressecadas.

No entanto, é importante destacar também que a queratina só proporciona efeitos positivos para a pele quando desenvolvida em quantidades ideais. Isso porque o seu excesso pode resultar na chamada queratose pilar, condição caracterizada por manchas ásperas e inchaços, e ceratose, uma espécie de mancha escamosa.

Na grande maioria das vezes, o surgimento dessas condições dermatológicas está relacionado à genética do corpo. No entanto, é interessante entender que até mesmo substâncias extremamente importantes, como a queratina, quando em excesso também podem causar mal.

6.    Como a queratina age nas unhas?

Algo que muitas pessoas não fazem ideia é de que a queratina também é extremamente importante para a saúde das unhas. Não é à toa que existe uma série de produtos vendidos em farmácias e lojas especializadas, geralmente em cápsulas, voltados para a saúde deste tecido e que são ricos na proteína.

Quando desenvolvida em níveis ideais, a queratina é extremamente útil para o combate das tão temidas unhas fracas. Sendo assim, você que sofre com unhas quebradiças, que acabam se rompendo por qualquer impacto simples, pode recorrer a um tratamento com essa proteína para solucionar o problema.

Além disso, a proteína também ajuda a evitar descamações e ranhuras no comprimento das unhas. É justamente por isso que muitas pessoas procuram por produtos que sejam ricos nessa proteína para tentar fortalecer o tecido, evitando essas descamações que são visualmente incômodas.

Sendo assim, saiba que existe uma série de fortalecedores para unhas que são desenvolvidos a base de queratina. Na grande maioria das vezes, esses cosméticos ricos na proteína não apenas ajudam a fortalecer o tecido como também dão mais brilho para os mesmos, contribuindo para a questão estética.

7.    Mas afinal, quais são os benefícios da queratina?

Já deu para perceber que essa proteína é extremamente importante para a saúde dos tecidos do nosso corpo, não é mesmo? Mas é importante também ressaltar, de maneira prática, os diversos benefícios que a queratina proporciona, desde a sua atuação nos cabelos até na pele de uma maneira geral.

Um dos benefícios da queratina é justamente o fato de que ela ajuda no alinhamento dos fios de cabelo. Além disso, aqueles que sofrem com frizz, ou seja, fios arrepiados e extremamente rebeldes, também podem recorrer a proteína, visto que ela contribui e muito para a redução dessa condição.

Outro grande benefício da queratina é que ela ajuda a melhorar a aparência das unhas, cabelo e pele também. Sendo assim, o uso de cosméticos ricos nessa proteína, em níveis ideais, pode ser importante para que você mantenha uma aparência mais saudável dos seus principais tecidos.

Vale ressaltar também que a proteína ajuda a fortalecer as unhas e dar um maior brilho e volume para os cabelos. Além disso, como já citado anteriormente, ela também promove o fortalecimento da barreira de proteção da pele, que é justamente uma de suas principais funções em nosso corpo.

VEJA TAMBÉM: Melhores Vitaminas para unha

Por que utilizar queratina e onde encontrar?

Agora que você já sabe tudo e mais um pouco sobre a queratina, talvez esteja se perguntando: por que utilizá-la? O fato é que é possível responder essa pergunta com somente duas palavras, as quais são capazes de convencer muitas pessoas nos dias de hoje: saúde e beleza.

Primeiramente, a queratina é sim importante para a saúde dos nossos tecidos, seja para protegê-los de agressões externas, garantir a hidratação e/ou fortalecimento. Segundo que quando administrada em níveis ideais, essa proteína faz com que unhas, cabelos e pele fiquem mais firmes e vibrantes, com uma aparência muito melhor.

Sendo assim, saiba que não é preciso ir muito longe para encontrar queratina nos dias de hoje. Para os cabelos, existe uma grande variedade de shampoos, cremes e até mesmo máscaras capilares que são ricas na proteína e que, portanto, podem contribuir para uma maior saudabilidade do tecido.

Da mesma forma, existem muitos fortalecedores de unhas que são feitos a base da proteína. Vale ressaltar também que existe a suplementação de colágeno que, apesar de trazer muitos benefícios, só deve ser tomada sob prescrição e orientação de um médico especializado.

Quer descontos exclusivos em cosméticos?
Acesse nossa plataforma de cupom e resgate seu desconto hoje mesmo! É de graça.
resgatar meus descontos