Apesar de serem tidas como comum na adolescência, as espinhas costumam incomodar bastante algumas pessoas, que precisam começar a tomar remédios para o tratamento destas, por isso que você precisa saber como funciona o Roacutan.

Existem inúmeros medicamentos no mercado que auxiliam no tratamento, ou pelo menos da diminuição, destas incômodas espinhas que, muitas vezes, acabam contribuindo para a baixa autoestima de muitos adolescentes. Apesar disso, não é certo e nem correto sair por aí utilizando qualquer remédio que tenha como promessa eliminar todas as espinhas com um uso recorrente, já que muitos deles podem ter efeitos colaterais fortíssimos.

Os medicamentos para o tratamento deste tipo de “problema”, o qual só acaba virando um problema de fato em casos onde a iminência é de grande intensidade, acabam sendo disponibilizados de várias formas. Existem desde géis e pomadas que ajudam a diminuir a quantidade de espinhas, até pílulas e remédios líquidos que trabalham da mesma forma, cada um com o seu próprio efeito colateral, o qual precisa ser analisado.

E um dos medicamentos mais utilizados, não apenas por adolescentes, mas também por pessoas de todas as idades que contam com a grande incidência de espinhas, é o Roacutan. Em questão de eficiência, este é tido como um dos melhores medicamentos para a diminuição, ou até mesmo para a eliminação, de espinhas nas regiões do rosto, costas e muito mais.

Por isso, é importante que antes de você conheça todos os efeitos e a maneira como o Roacutan age em seu organismo, antes de sair atrás deste medicamento – o qual só pode ser disponibilizado com prescrição médica. Saiba agora, como funciona o Roacutan:

Mas o que é o Roacutan exatamente?

Tido como o medicamento mais eficaz no combate às acnes, o Roacutan é apenas um nome comercial para um remédio que conta com o princípio ativo chamado de Isotretinoína – o qual age diretamente no tratamento das espinhas. Sendo assim, o Roacutan não é exatamente a “substância que combate às acnes”, mas sim um rótulo do laboratório Roche para venda deste princípio ativo.

A Isotretinoína, por sua vez, se trata de uma substância medicinal que é derivada da vitamina A, e é conhecida principalmente por ser utilizada no tratamento à acne severa – mesmo que acabe sendo empregada, também, no tratamento de outras doenças da pele em si.

O medicamento é comumente indicado à muitos adolescentes e adultos que possuem grande presença de espinhas no corpo – as quais acabam sendo praticamente eliminadas com o tratamento do remédio.

O uso controlado e prescrito do Roacutan ajuda a melhorar a aparência estética da sua pele, assim como a saúde da pele como um todo. E é por isso que ele acaba sendo a maneira mais simples, e mais recomendada por médicos, para o tratamento de espinhas, já que seu efeito costuma ser bastante forte e age de maneira consideravelmente rápida – quando comparado com alguns outros.

Quem deve utilizar o Roacutan e quando deve utilizá-lo?

A Isotretinoína, leia-se Roacutan também, costuma ser mais indicada para casos mais graves de incidências de acnes, principalmente quando esta incidência é tão forte que acaba formando nódulos, cistos e até mesmo abcessos. Apesar disso, há também alguns casos de acne mais controlados, os quais não respondem aos demais tratamentos, e que também pode se considerar a utilização do medicamento para amenização e eliminação das espinhas.

Outro ponto positivo da Roacutan, e da Isotretinoína como um todo, é o fato dele não possuir restrição de sexos como, por exemplo, ser proibido o seu consumo para mulheres ou homens. Pelo contrário, o medicamento pode ser indicado para todos os sexos, sejam estas pessoas adultas ou adolescentes, com uma determinação de idade que deve ser analisada pontualmente por um médico responsável.

Apesar disso, você não pode simplesmente ir em uma farmácia e solicitar a compra de um Roacutan para sair usando sem mais nem menos, mas sim consultar um dermatologista antes de tomar a decisão. Quando menor de idade, o paciente precisa ter o consentimento dos pais antes de fazer o uso de fato da Isotretinoína.

Como o Roacutan e a Isotretinoína combatem a acne?

Apesar de parecer milagroso e mágico, o Roacutan na verdade possui uma atuação um tanto quanto simples no combate a acne em si – o que não tira o mérito da tamanha eficácia alcançada pelo medicamento. A Isotretinoína simplesmente reduz consideravelmente o tamanho das glândulas sebáceas de sua pele, diminuindo fortemente também o tanto de óleo produzido por ela.

Isso acaba se tornando extremamente eficaz no combate as espinhas porque as bactérias da acne acabam vivendo em meio à toda esta secreção oleosa das espinhas e, diminuindo o tamanho das glândulas e do óleo, estas acabam sendo reduzidas à quase nada.

Além disso, o Roacutan também é capaz de retardar a produção das células da pele dentro do poro, o que permite a desobstrução destes, causando também propriedades anti-inflamatórias.

Quais são os efeitos colaterais do Roacutan?

Como já foi falado anteriormente, o Roacutan é um medicamento poderosíssimo, e é por isso que ele consegue ser tão eficaz na questão de combate ao surgimento e ao crescimento das acnes. Mas, como nem tudo são flores, toda essa eficiência e “poder” acabam fazendo com que o medicamento tenha também os seus efeitos colaterais, já que não ele é um remédio bem forte – em todos os sentidos.

Um dos principais e mais temidos efeitos colaterais da Isotretinoína, o qual há de ser conhecido por todas as pessoas, é a teratogenicidade (defeitos no embrião), que acaba proibindo a gravidez durante o tratamento e, também, algum tempo após o término do mesmo.

Outros efeitos colaterais constantes e que você pode acabar percebendo facilmente em pessoas que fazem o uso do medicamento, são os grandes ressecamentos causados pelo Roacutan. Estes ressecamentos não atingem apenas a região do rosto, mas também a pele como um todo, além dos olhos, que acabam ficando mais secos do que o comum, e também os lábios – o que pode ocasionar em rachaduras e sangramentos, às vezes.

E uma das provas que o Roacutan é realmente tão forte quanto se diz, é o fato dele não causar apenas ressecamento como, também, queda de cabelos e alguns sangramentos pontuais. O sangramento do nariz e das gengivas é algo recorrente para um usuário do medicamento.

Há também alguns efeitos negativos do remédio que são tão prejudiciais quanto os demais já citados aqui no texto, como por exemplo, dores em regiões específicas do corpo.

O Roacutan pode acabar causando dores de cabeça e musculares bastante intensas, assim como, até mesmo, a incidência de uma depressão – realmente, não é um remédio para todos, e é por isso que ele exige um cuidado e uma prescrição médica para ser consumido.

O que fazer para lidar com todos estes efeitos colaterais?

Há alguns outros medicamentos ou produtos que você pode acabar optando por consumir e utilizar se quiser cessar, ou reduzir, os efeitos colaterais advindos do uso do Roacutan. Para lidar com os ressecamentos causado pelo remédio, por exemplo, você pode escolher utilizar alguns hidratantes corporais, assim como hidratantes labiais, faciais e os tão famosos e conhecidos colírios.

Apesar disso, vale a pena consultar o dermatologista antes mesmo de escolher utilizar demais produtos para redução dos efeitos do Roacutan. Outra dica importante para o combate ao ressecamento causado pelo medicamento, é a utilização de protetor solar para períodos em que você acaba tendo um maior contato com o sol.

Para mulheres, para a prevenção da gravidez durante a utilização do Roacutan, que causa problemas ao embrião neste período, é válido também utilizar métodos anticoncepcionais que sejam extremamente confiáveis.

Cuidados para se ter enquanto consumir Roacutan

Como já citado anteriormente, no caso das mulheres é importante fazer o uso de um anticoncepcional 100% confiável e eficiente durante o tratamento de acne com a utilização de Roacutan. Além disso, realizar testes sorológicos mensais, para diagnosticar se há ou não uma possível gravidez, também é essencial durante estes períodos.

Tanto homens quanto mulheres também devem ficar atentos e realizar exames sanguíneos com uma certa frequência, a fim de determinar as taxas de lipídeos, fazer testes hepáticos e hemograma. Além disso tudo e do uso de hidratantes como um todo, vale ressaltar a importância de se abster do consumo de álcool durante o período do tratamento.

Tendo visto isso, dá para concluir que o Roacutan é, de fato, um medicamento extremamente eficiente para o combate à iminência de acnes e acnes graves na pele, mas que, apesar disso, há também inúmeros efeitos colaterais juntamente com o seu uso. Por isso é importante, inicialmente, procurar um dermatologista experiente para então explicar e analisar o seu caso – para só então tentar solicitar o seu uso.

Vale ressaltar também que este medicamento é infinitamente contraindicado para mulheres que estão tentando engravidar, já que ele acaba causando danos ao embrião.

Agora que você já entendeu para que serve o Roacutan, ele pode ser uma das opções no tratamento contra cravos e espinhas. Aproveite ainda todas as dicas passadas aqui!

Gostou do artigo?

Aproveite! Além disso, temos outros artigos que falam sobre como manter a pele hidratada, mais saudável, e além de manter a pele mais bonita. Leia aqui.

Quer aprender mais sobre Skin Care ou ver as últimas noticias do mundo da beleza? Então, me siga no Instagram.