Precisamos ter cuidados com a pele em todo o nosso corpo, desde os pés, que podem sofrer com o sol em um dia de calor na praia até, obviamente, o nosso rosto, que acaba sendo uma das partes mais expostas e por isso merece cuidados especiais.

Todas as mulheres, e também os homens, precisam tomar algumas precauções diárias para evitar que a pele fique com um aspecto envelhecido, enrugada e desidratada. Antes de sair de casa, basta que você comece a seguir as nossas dicas, assim vai conseguir manter a pele do seu rosto protegida contra as ações danosas do clima.

Os cuidados variam conforme a sua idade e de acordo com o tipo de pele. Nem todos os produtos que são recomendados para as que possuem o estilo oleoso devem ser utilizados por aquelas que possuem a face no estilo seco. A seguir você vai aprender a não errar mais na escolha dos cosméticos.

Um dos assuntos que iremos abordar a seguir são as espinhas e os cravos. Muitos acham que elas só aparecem durante a adolescência, mas podem estar presentes em qualquer época da nossa vida, até mesmo depois dos 20 anos. Por que isso acontece? Por que elas atingem o rosto? É isso que iremos explicar.

Falaremos ainda sobre o sol, que pode trazer sérios prejuízos para a nossa pele. Quando saímos na rua sem um chapéu e sem o filtro solar, a chance sofrermos com queimaduras fica muito maior, assim como a pele perde hidratação e sofre envelhecimento precoce. Aprenda a seguir os principais cuidados para ter com a pele do rosto.

1 – Quais são os principais cuidados diários com a pele do rosto?

For privacy reasons YouTube needs your permission to be loaded. For more details, please see our Política de privacidade.

I Accept

A rotina de beleza começa logo ao levantar da cama. O primeiro passo é lavar o rosto, utilizando um sabonete que seja benéfico para o seu estilo de pele. Fazendo a escolha certa, o produto terá a capacidade de hidratar o rosto e não causará mais oleosidade na pele. Mais adiante vamos falar sobre como fazer essa escolha.

O segundo passo é aplicar um adstringente, sendo este um produto indicado para finalizar a parte de higienização e preparar a pele para receber a hidratação. Serve também para ajudar a tonificar o seu rosto, atingindo até mesmo partes mais profundas da derme, o que vai ajudar na eliminação de sujeiras que ficaram da limpeza feita com o sabonete.

Antes de sair de casa é fundamental passar o filtro solar, para que a sua pele fique mais protegida contra os raios ultravioletas. Esse produto também precisa ser escolhido de acordo com o seu tipo de pele, para evitar problemas, como aumento na oleosidade ou desidratação.

Muitas mulheres não saem de casa sem fazer a aplicação da maquiagem. Ela pode ser combinada com o protetor solar, assim você sai bonita e segura. E quando retornar para casa, é fundamental ter em mente que o produto precisa ser removido. Quem dorme com a maquiagem fica mais exposta ao surgimento de cravos e espinhas.

Veja os cuidados para ter durante a noite:

For privacy reasons YouTube needs your permission to be loaded. For more details, please see our Política de privacidade.

I Accept

Existem outros produtos que podem ser utilizados todos os dias no nosso rosto, como os séruns, que são produtos para auxiliar na hidratação, deixando a pele mais macia. Os tradicionais cremes ainda podem ajudar a evitar rugas e deixar a sua pele com aspecto mais jovem.

2 – Como saber qual é o meu tipo de pele?

Para que a rotina de cuidados diários (e semanais) da pele seja feita de maneira correta, é importante saber qual é o seu estilo. Existem peles secas, mistas, normais e oleosas. Cada uma delas possui características específicas e por isso necessitam de diferentes produtos de beleza, para que fiquem hidratadas e sejam mantidas saudáveis.

A pele seca possui algumas características bem específicas, assim é fácil de percebê-la. Gera mais coceira do que os outros tipos, com aspecto esbranquiçado, descamação e outros fatores. Conhecida também por xerose, apresenta desequilíbrio em relação ao nível de sebo produzido pelas glândulas sebáceas, que não conseguem deixar o rosto lubrificado. A genética e o clima podem contribuir com esse estilo de pele.

A pele mista é aquela que possui algumas partes oleosas e outras secas. É um estilo de textura brilhante, com poros dilatados e excesso de oleosidade, principalmente na testa, no nariz e no queixo, região conhecida como zona T. Esse tipo de pele exige um tratamento feito por regiões diferentes, com produtos específicos para cada uma delas.

A pele normal é aquela que não é muito seca e nem oleosa demais. É considerado um tipo de pele equilibrado. Seus poros são visíveis, são pequenos e finos. Conta com uma textura suave, aveludada e macia. Muitos chamam de pele de bebê. É um estilo de pele que não descama, que não sofre com cravos e nem com espinhas. Também não é sensível e não tem manchas.

A pele oleosa é aquela que elimina quantidades mínimas, mas constantes, de gordura. Assim, acaba formando uma espécie de película que cobre a protege a camada córnea. A oleosidade pode estar ligada com a genética da pessoa ou por desequilíbrios hormonais. A pele oleosa é a mais comum no Brasil, atingindo 90% das mulheres jovens.

3 – Como evitar espinhas no rosto?

As espinha costumam surgir em áreas oleosas do nosso corpo, como no rosto de algumas mulheres. Elas costumam aparecer na adolescência, em um período da vida que o corpo de meninos e meninas sofre uma série de transformações e a produção de hormônios sexuais fica mais intensa. Ainda assim, algumas mulheres podem apresentar a condição depois dos 20 anos.

A principal dica para evitar espinhas no seu rosto é manter os poros limpos e desobstruídos. Procure por cremes, bases e protetores solares ideais para o seu tipo de pele. É indicado apostar em produtos no estilo oil-free, que não trarão ainda mais oleosidade para o seu rosto. Tente lavar a face duas vezes ao dia, com água e sabonete.

A maquiagem sempre deve ser removida antes de ir dormir, para que o cosmético não cause irritação na sua pele. A exposição excessiva aos raios solares é outra situação que pode levar ao surgimento das espinhas. E o consumo exagerado de alimentos à base de carboidratos, como massas, pães, batatas e doces, além dos laticínios, também contribuem com esse tipo de formação.

Quando os poros estão entupidos e existe contaminação com a bactéria Propionibacterium acnes, que já está presente na pele, causando vermelhidão e secreção amarelada. Consultar um dermatologista pode ser uma boa, e dependendo da fase da vida, as acnes podem ser tratadas com produtos tópicos ou com medicamentos via oral, que incluem antibióticos, ácido retinoico ou hormônios.

4 – Quando fazer a esfoliação?

A esfoliação consiste em um tratamento de beleza que pode ser feito no corpo ou no rosto, ajudando a renovar a pele, servindo para eliminar as células mortas e as impurezas que deixam esse órgão envelhecido. Com a esfoliação é possível melhorar a respiração cutânea, facilitando a absorção de cremes e cosméticos aplicados depois.

É considerado um importante tratamento para a pele, já que é capaz de melhorar a sua textura, deixando-a mais suave e uniforme. Também é interessante para ajudar na circulação sanguínea, remove as células mortas e serve para combater o surgimento das linhas de expressão e das rugas. Ajuda a eliminar manchas e evita a oleosidade em excesso.

A frequência de aplicação deste tratamento varia conforme o tipo de pele. Aquelas que são mais sensíveis devem fazer no máximo uma vez a cada duas semanas. As mulheres mais velhas, que possuem a pele madura, podem fazer duas vezes a cada semana, investindo em esfoliantes suaves, que não tragam nenhum tipo de problema para a cútis.

Quem tem a pele normal ou seca pode fazer a esfoliação duas vezes por semana. A pele seca possui uma renovação mais lenta, assim acaba acumulando grande quantidade de escamas na superfície. Assim, duas esfoliação já servem para melhorar a renovação celular. E a pele normal é a “melhor” de todas, também se beneficia com o tratamento.

As peles oleosas ou mistas podem receber a esfoliação duas ou três vezes na semana, quando são aplicados esfoliantes normais. É importante evitar que os poros fiquem obstruídos, assim os cravos e as espinhas não terão tanta facilidade para surgirem.

5 – Qual é a função do sérum e quais seus benefícios?

O sérum é um produto que serve para hidratar e tonificar a pele. Ele não tem a mesma função do que um hidratante comum, já que possui diferença na textura e na composição. É menos cremoso, sendo oleoso o suficiente para manter a pele hidratada.

O sérum facial pode ajudar a amenizar as rugas, elimina células mortas, trabalha os músculos do rosto e regenera as fibras de colágeno. Ajuda a hidratar profundamente a pele e fortifica a pele. Pode ser usado duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

6 – Cuidados com a pele do rosto oleosa

A pele oleosa é a mais comum entre as brasileiras, isso se deve a fatores como a genética de nossa população, a alimentação rica em carboidratos e a poluição encontrada nas cidades. Nesse tipo de pele a produção de sebo é mais elevada, assim ela fica com um aspecto mais brilhante e espesso. Os poros se tornam dilatados, assim a tendência é que essas pessoas tenham mais espinhas ou cravos.

Quem possui a pele do rosto oleosa deve lavar a face no máximo três vezes por dia. Algumas se sentem incomodadas e pensam que lavar mais vezes é uma boa ideia, mas não é não. Utilizar muito sabonete e água pode fazer com que o rosto acabe ficando ressecado, assim a barreira cutânea pode acabar ficando prejudicada.

Se a sua pele é oleosa, ela também precisa de hidratação. Lave o rosto, passe um adstringente, utilize água micelar e faça a hidratação. Quando for lavar o rosto, a água deve estar com temperatura abaixo dos 37ºC, acima disso poderá apresentar ressecamento e apresentar problemas desagradáveis.

Uma dica é apostar em um jato de água fria ao final das lavagens e do banho, isso serve para fechar os poros, então, é interessante lavar a face na pia no momento em que está escovando os dentes, por exemplo. Passe a investir em alimentos que ajudem a controlar a oleosidade, evitando o consumo de amendoim e chocolate.

7 – Cuidados quando a pele do rosto é seca

Muitas mulheres acreditam que pele seca e pele desidratada são a mesma coisa. As características são praticamente iguais, mas a primeira delas é um tipo de pele, enquanto o segundo é uma condição que pode ser superparada com a hidratação correta da derme. Qualquer tipo de pele pode ficar desidratada se não for bem cuidada.

Mulheres que possuem a pele seca devem se preocupar com a hidratação. É essencial promover o equilíbrio do microbioma, fortalecendo a barreira de proteção, o que pode ser feito pelo consumo de hidratante ou de água termal. O microbioma consiste em bactérias e fundos que habitam o nosso corpo e trazem benefícios para a pele.

É recomendado investir em um hidratante diário potente, como fazer a utilização de um creme facial prebiótico, ainda mais aqueles que são enriquecidos com ceramidas e vitamina B3. Glicerina, pantenol e ácido hialurônico são algumas substâncias ativas que podem ajudar a dar uma nova cara para a derme.

8 – Cuidados com a pele do rosto na gravidez

A gravidez é um dos períodos mais bonitos da vida de uma mulher e a pele não pode ser deixada de lado. Qualquer gestante pode fazer uma limpeza de pele. Nessa época da vida é comum que surjam manchas, então esse procedimento é interessante. A recomendação é para evitar a utilização de ácidos, já que a pele absorve e isso pode causar algum mal.

Por falar em manchas, elas acabam acontecendo já que existe uma elevação na produção de hormônios femininos, que são mantidos pelo calor do sol. As grávidas devem utilizar mais filtro solar do que outras pessoas, além de evitarem exposição aos raios solares. Luz intensa pulsada e alfa peel são opções interessantes de tratamento para a pele.

A gestante pode ainda investir em cremes com propriedades antioxidantes, com vitamina C e E. Aposte nos óleos essenciais, como de sementes de uva, macadêmia, óleo de oliva ou argan. Durante a gestação, consumir alimentos ricos em cálculo, fósforo, ferro, zinco, cobre, sódio, magnésio, flúor e vitaminas é importante, deixando a pele mais bonita.

A hidratação pode ser feita com água termal, manteiga de karité, glicerina, óleo de amêndoas, óleos minerais e ácido hialurônico, evitando produtos que possuam ureia. O filtro solar utilizado por grávidas deve ter FPS acima de 50, aumentando a proteção.

9 – Como cuidar da pele depois dos 40 anos?

Com o passar do tempo a nossa pele vai perdendo hidratação, fica mais quebradiça e até pode sofrer com o surgimento de rugas. Na juventude a nossa pele é firme, viçosa e não possui manchas. As ações do clima e também a cada aniversário, vamos percebendo que o rosto já não é mais o mesmo. Os primeiros sinais começam a surgir a partir dos 30 anos.

Quem já tem mais do que 40 anos, precisa começar a cuidar da pele de uma maneira mais ostensiva. Nessa época da vida a nossa pele já não possui mais a capacidade de se recuperar das ações causadas pelo sol. A pele passa a sofrer ainda mais com os raios UVA, podendo apresentar manchas e rugas. Por isso, o filtro solar é ainda mais importante neste período.

Quem já passou dos 35 anos deve começar a fazer uma suplementação de colágeno, para devolver ao rosto os níveis indicados desta proteína. É recomendado consumir uma dose média entre 8 e 10 gramas, os sachês são a forma mais prática, podendo ser diluídos em água ou em sucos. Não faça isso por conta própria, consulte um nutricionista ou um médico.

Peelings, tratamentos com laser ou luz pulsada e botox para preenchimento facial são tratamentos que podem ser considerados. O primeiro ajuda a suavizar as manchas e melasmas, atingindo apenas a derme, enquanto o peeeling médio diminui as rugas. A luz pulsada estimula a produção de colágeno e o botox é uma boa forma de contornar as rugas.

10 – Cuidados com a pele do rosto masculino

Se você é homem e está lendo este texto, ou então é mulher e quer ajudar o seu marido, saiba que o rosto deles também precisa de alguns cuidados. A vaidade masculina já não é mais um tabu, os homens passaram a buscar por tratamentos de beleza, sendo que este segmento da estética vem crescendo a cada ano. E os cuidados com o rosto aparecem entre os principais.

Podemos dizer que a higienização é um dos pontos principais e eles não devem utilizar o mesmo sabonete do banho para lavar o rosto, o ideal é escolher um que possua pH neutro, que seja compatível com o tipo de pele. Aliado a isso, a hidratação também é importante, a pele masculina tende a ser mais oleosa do que a feminina, necessita de protetor solar, pelo menos.

Quando for fazer a barba, é comum que apareçam fissuras e ferimentos. A recomendação é para tirar a barba depois do banho, já que a pele estará limpa e assim menos propensa a desenvolver fissuras. Também é interessante fazer a aplicação de loções que sirvam para acalmar, cicatrizar e proteger a pele.

11 – Veja como o sol pode detonar a nossa pele

Tomar sol é importante para ter uma pele bonita, já que o astro rei ajuda o nosso corpo a sintetizar a vitamina D. Porém, quando ficamos por muito tempo expostas aos raios solares, isso pode ser perigoso para a nossa pele. Os raios UVA e UVB podem causar desde simples espinhas até problemas mais graves, como o câncer de pele.

Os raios ultravioletas atingem camadas profundas da pele, podendo até mesmo levar a alterações nas células, principalmente devido ao efeito cumulativo. Quem tem exposição constante durante os primeiros 10 ou 20 anos de vida tende a ter problemas de pele durante a idade adulta ou na velhice. A pele é o maior órgão do corpo e obviamente, a que mais sofre com o sol.

Quem vai para a praia se bronzear e não passa protetor solar, achando que vai arrasar, corre riscos sérios. Em relação ao rosto, a pele fica mais seca, enrugada e pode até descascar. A derme perde força, sendo machucada com mais facilidade. E ao longo dos anos esse tipo de exposição vai danificando o DNA das células e aumentando os radicais livres, deixando a cútis mais espessa e amarelada.

É comum que surjam manchas de pele, que podem ser claras ou escuras, principalmente nas regiões mais expostas aos raios solares. E o câncer de pele, um dos mais comuns, pode surgir devido a uma destas manchas ou em uma pinta que receba contato direto com os raios. Para evitar todos estes problemas no seu rosto, é bom tomar cuidado com o sol.

12 – Aprenda a proteger seu rosto do sol

Como vimos no tópico anterior, o sol é importante, mas pode fazer muito mal para a nossa pele, principalmente quando não tomamos as precauções devidas. Evite exposição entre 10h e 16h, no período em que os raios costumam estar mais fortes. Tente utilizar óculos escuros e chapéus com abas largas, já que estes itens irão ajudar a proteger o seu rosto.

Não esqueça de manter o rosto hidratado, realizando os procedimentos que citamos anteriormente, de acordo com o seu tipo de pele. Tente consumir bastante água, principalmente durante o verão, quando nosso corpo sua mais facilmente e assim a hidratação acaba sendo eliminada. Existem diversos cosméticos que podem ter ajudara a vencer os raios solares.

E tem mais uma coisa, não esqueça de utilizar o protetor solar, que deve ter pelo menos FPS 30. A aplicação no rosto e nos braços deve acontecer até mesmo em dias nublados. E o ideal é fazer o uso do produto 30 minutos antes de tomar sol, assim a pele conseguirá absorver bem todas as propriedades e garantir a segurança. Veja mais sobre o protetor solar e os cuidados com a pele.

Gostou da nossa lista dos cuidados com a pele do rosto?

Quer aprender mais sobre Skin Care ou ver exemplos? Me siga no Instagram. Ou leia mais na home. Leia mais sobre maquiagem no nosso artigo.